Legume e grão

Arroz de cuxá integral e vegano

Arroz de cuxá integral e vegano

O Arroz de Cuxá é um dos pratos típicos mais conhecidos do Maranhão. Ele tem influência da culinária africana, indígena, portuguesa, árabe e um toque da cozinha francesa, já que São Luís foi fundada por franceses. A palavra “cuxá” tem origem no tupi e significa “o que conserva azedo”. Esse foi um dos meus primeiros desafios culinários logo que mudei para São Luís.

Arroz de cuxá integral e vegano

Varejão de hortifruti no Ceasa de São Luís
Essa receita também foi meu primeiro contato com a vinagreira ou azedinha, folhas verdes muito usadas na culinária local e com um sabor bem diferente. Aqui no Maranhão a vinagreira é encontrada em qualquer supermercado, e muita gente tem uma touceira no quintal. Ela é é rica em Vitamina C e Ferro, o que torna qualquer prato feito com o ingrediente uma receita bem rica em termos nutricionais.

Arroz de cuxá integral e vegano

A pimenta de cheiro eu já conhecia e já havia usado, mas no arroz de cuxá ela dá um toque bem diferente. A grande adaptação na minha versão foi não usar o camarão seco, que é um dos ingredientes tradicionais em qualquer arroz de cuxá. Mas garanto que a versão vegana não deixou a desejar!

Arroz de cuxá integral e vegano

Ingredientes

  • 1 xícara de arroz (usei o cateto integral)
  • 2 a 3 colheres (sopa) de azeite de oliva ou óleo vegetal (usei o óleo de coco babaçu)
  • Sal
  • 1 maço de vinagreira
  • 1 cebola picada
  • 1 pimentão cortado em tiras (pode ser o vermelho, o amarelo ou o verde)
  • 1 xícara de tomates cereja (ou 1 tomate sem as sementes e picado)
  • Pimenta de cheiro sem as sementes, picada (opcional)
  • 3 colheres (sopa) de molho de tomate
  • 3 colheres (sopa) de cebolinha verde picada (opcional)
  • 3 colheres (chá) de gergelim claro (opcional)

Modo de fazer

  1. Enxague o arroz em água corrente. Se tiver um tempinho, deixe de molho na água; ele vai cozinhar mais rápido.

  2. Refogue o arroz em 1 colher de sopa de azeite, junte sal e 3 xícaras de água. Cozinhe até a água secar, ou o arroz ficar macio.

  3. Refogue as folhas de vinagreira com um pouco de água até que murchem. Retire do fogo, escorra e pique grosseiramente. 

  4. Aqueça o restante do azeite e refogue a cebola até ficar translúcida. Junte o pimentão, o tomate e a pimenta de cheiro (se for usar). Refogue por mais alguns minutos.

  5. Acrescente o molho de tomate, a cebolinha e o gergelim. Misture  e junte a vinagreira e o arroz. Mexa até incorporar todos os ingredientes. Sirva em seguida.

Arroz de cuxá integral e vegano

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *