Curry de couve-flor e grão de bico

by Monica Hering

Já se passaram quase dois meses desde que vim para o sítio no início do isolamento por conta do Coronavírus… Apesar de ficarmos aqui por longos períodos desde que voltamos do Maranhão, desta vez estou aqui sem colocar o nariz para fora do portão, no que se pode chamar de “completa imersão” na vida de sitiante. Não tem janela para ver a rua, ou barulho de vizinho pegando o elevador…

No início do ano comecei um projeto para aumentar a hortinha de verdura e legumes, que além de um tanto bagunçada, não tinha cerca. O que implicava em cachorros atropelando pés de alface ou esmagando salsinha enquanto brincavam ao nosso lado. Ou então em visitantes clandestinos (como a família de lebres) que muitas vezes são consumidores vorazes…

Organizamos também um cantinho para preparar as bandejas de mudas, que até então ficavam mudando de um canto para outro na nossa varanda, sobre os bancos, cadeiras ou mesas. Agora elas tem um lugar até mais claro e protegido do frio e vento para crescerem. Confesso que acompanhar as sementes germinando dia a dia é uma experiência mágica, algo que em alguns momentos me faz sentir como criança em dia de festa!

Curry de couve-flor e grão de bico

O espaço para a nova horta já estava escolhido, delimitado, limpo e sendo preparado com muito, muito composto orgânico e revolvido com fé e vontade por meu parceiro de obra (o caseiro, que acreditou no projeto e topou fazer a parte pesada!). Não faz muito tempo que começamos a transplantar as mudas que já estavam prontas. E o tempo passou… O isolamento sendo prolongado… Mais bandejas de mudas foram preparadas…

As primeiras alfaces foram colhidas, muita salsa, rúcula, couve… E então vieram as abóboras, abobrinhas, rabanetes, e até algumas beterrabas. As vagens ficaram deliciosas, renderam bastante. Agora estamos vendo uma fileira enorme de repolho crescer (espero de coração que pelo menos alguns cheguem a dar repolhinhos!).

Curry de couve-flor e grão de bico

Mas uma das maiores emoções foi a couve-flor! Eu já tentei plantar couve-flor diversas vezes, mas nunca deu certo (era sempre mais ou menos, ou quase!). Há poucos dias vi uma das mudas (só uma!) resistindo e crescendo, sem ser atacada por lagartas, formigas e toda pequena turma devoradora de insetos que sempre aparece. Resolvi que ela seria protagonista de uma receita inédita e com fotos lindas, e seria postada aqui no blog como prova da minha persistência!

Conto toda essa pequena saga da nova horta para compartilhar com vocês o quanto ter algum projeto no qual trabalhar durante esse período é importante. Pode até ser um mini projeto ou cuidar somente do planejamento, dos detalhes… Tudo para que ele saia do papel assim que possível! Mas nunca deixar de acreditar ou de sonhar…

Curry de couve-flor e grão de bico

Ingredientes

  • 4 colheres (sopa) de azeite de oliva ou óleo vegetal
  • 1 colher (sopa) de gengibre ralado
  • 3 dentes de alho espremidos
  • 1 cebola picada
  • 1 colher (chá) de coentro em pó
  • 1 colher (chá) de cúrcuma
  • ½ colher (chá) de páprica (usei defumada)
  • 1 colher (chá) de cominho em pó
  • 1 ½ xícaras de caldo de legumes
  • 1 ½ xícaras de tomates pelados (ou passata)
  • 1 couve-flor pequena, cortada em floretes
  • 1 ½ xícaras de grão de bico cozido
  • 1 colher (chá) de açúcar (opcional)
  • ¾ xícara de ervilhas congeladas
  • 1 a 2 colheres (chá) de garam masala
  • Folhas de coentro fresco picadas

Modo de fazer

  • Refogue a cebola no azeite em uma frigideira grande e funda, em fogo médio. Quando ficar translúcida, junte o gengibre e o alho. Cozinhe por mais alguns minutos.
  • Acrescente o coentro em pó, cúrcuma, cominho e páprica. Misture bem.Junte o caldo de legumes e em seguida o tomate. Mexa e cozinhe por alguns minutos.
  • Junte o grão de bico, misture e em seguida acrescente os floretes de couve-flor. Tempere com o sal e açúcar.
  • Por fim coloque a ervilha e o garam masala. Cozinhe por alguns minutos e retire do fogo.
  • Misture parte das folhas de coentro picado e polvilhe o restante no momento de servir.

Notas

Servi com arroz integral.
Curry de couve-flor e grão de bico

Outras sugestões:

8 comentários

Lourdes 22 de maio de 2020 - 16:54

Parabéns pela horta. Muito grata pelas receitas. Tenho feito muitas e adorado.
Muita saúde ! Abraço

Responder
Lídice 22 de maio de 2020 - 13:43

Adoro seu Trabalho!! Muito Obrigada!!

Responder
Monica Hering 22 de maio de 2020 - 14:27

Como é bom saber disso! Obrigada

Responder
Silvia Borges 22 de maio de 2020 - 20:55

Gosto muito de receber suas receitas!
Que horta linda, esse não é um pequeno projeto.
É um grande projeto! Parabéns!!!

Responder
Edimara 22 de maio de 2020 - 11:36

Bom dia.
Parabéns pela linda horta e uma forma fantástica de se viver.
Obrigada pelas receitas.

Responder
Monica Hering 22 de maio de 2020 - 12:06

Obrigada pelo carinho!!!

Responder
Márcia 23 de maio de 2020 - 07:41

Querida Mônica
É de muita satisfação conhecer o seu trabalho, lindo só pelas fotos que vc posta, já dá pra sentir a emoção e a gratidão por tudo que fazemos com amor, vc se torna inspiração, pra todos que desejam uma vida, leve e saudável. Parabéns grande beijo

Responder
Yara Fontoura 14 de maio de 2020 - 13:53

Tudo tão lindo, parabéns por tanto empenho. Com certeza farei essa receita para o almoço de amanhã.

Responder

Deixe um comentário