Dicas

Livro “Regras da Comida”

Livro - Regras da Comida

Regras da Comida – Michael Pollan

Este pequeno guia para descomplicar a tarefa de comer bem e de forma saudável, indicando a simplicidade para resolver as questões cotidianas sobre alimentação, foi escrito pelo jornalista Michael Pollan. Autor de diversos livros e artigos que abordam principalmente os exageros da indústria alimentícia, e os efeitos da dieta ocidental, focada em nutrientes e ingredientes extremamente processados e não em alimentos de verdade.

Pollan tem se dedicado há vários anos a investigar a cadeia de produção dos alimentos, como eles são consumidos e quais os seus efeitos sobre o nosso organismo. Aponta o nosso desconhecimento a respeito do que ingerimos e os problemas causados por deixarmos à cargo da indústria as nossas escolhas alimentares. Nos mostra que refletir sobre o que comemos tem um papel crucial no mundo de hoje. Não só pelos problemas causados à nossa saúde, mas porque cozinhar está relacionado com independência e autonomia.

O livro é claro, sensato e conciso; marcas registradas de Pollan. As recomendações são 64 regras simples (e óbvias) que nos levam a comer com bom senso e a querer voltar a frequentar a cozinha!

Coloquei abaixo 8 das regras do livro ( são algumas das minhas preferidas!), para deixar todos com vontade de ler o livro inteiro!

1. Coma comida.
2. Não coma nada que sua avó não reconheceria como comida.
3. Evite produtos alimentícios que contenham ingredientes que um aluno do terceiro ano não consiga pronunciar.
4. Evite alimentos que você vê anunciados na televisão.
5. Coma principalmente vegetais. Sobretudo folhas.
6. Coma quando tiver fome, não quando estiver entediado.
7. Só coma à mesa.
8. Cozinhe…

2 comentários sobre “Livro “Regras da Comida””

  1. SAYONARA disse:

    Comida de verdade é para mim o mais especial,nas minhas andanças pela França pude observar a boa forma e o gosto por ingredientes verdadeiros , é um povo que come muito pouco comida processada.As feirinhas de verduras ,queijos,aves estão por toda a parte e sempre lotadas .Eu sempre priorizo o produto fresco e da estação!
    Adorei as dicas.

    1. Monica Hering disse:

      Concordo Sayonara!!! O brasileiro precisa voltar a frequentar a feira e os mercados que vendem comida fresca!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *