Sagu de abacaxi

Uma receita com aproveitamento total do seu abacaxi. Lembra do chá de cascas de abacaxi, que já foi publicado por aqui? Foi com este chá que o sagu foi hidratado e depois cozido. Além de um sabor incrível, dá prá ter a sensação (muito) boa de estar aproveitando o alimento por inteiro!

Sagu de abacaxi

O que sobressai nesta sobremesa (deliciosa!) é o gosto de especiarias. Se o seu abacaxi estiver docinho, aproveite para colocar um pouco menos de açúcar do que a receita indica. Não é só uma questão de utilizar tipos de açúcar mais saudáveis, e com menos processamento, como o demerara e o mascavo. Infelizmente a gente usa muito mais açúcar do que o necessário, e o recomendado.

Abacaxi

Voltando ao abacaxi, usei o abacaxi de Turiaçu, muito comum aqui no Maranhão. Já falei dele aqui, é o abacaxi mais saboroso (e doce!) que já provei na minha vida. Se tiverem oportunidade, não deixem de experimentar!

Alcântara

Outra sugestão é visitar a cidade de Alcântara, aqui pertinho de São Luís. Estivemos lá novamente há poucos dias e não me canso de admirar a beleza dos casarões e das ruínas. Compartilho aqui um pedacinho do passeio…

Alcântara - Maranhão
Alcântara
Alcântara - Maranhão

Sagu de abacaxi

Porções 4 porções

Ingredientes

  • ½ abacaxi maduro + cascas
  • ½ xícara sagu de mandioca
  • ¾ xícara açúcar
  • 2 cravos da Índia
  • ¼ colher (chá) gengibre em pó
  • 1 pedaço pequeno canela em pau

Modo de fazer

  • Lave e descasque o abacaxi.
  • Coloque as cascas em uma panela com 3 xícaras de água e ferva por 15 a 20 minutos. Coe o chá e acrescente o sagu. Deixe hidratar por 2 a 3 horas.
  • Leve ao fogo baixo até as bolinhas ficarem macias e transparentes.
  • Coloque metade do abacaxi picado picado bem fininho (sem a parte central em uma panela. Junte o açúcar, o cravo, gengibre e a canela. Cozinhe até engrossar e ficar dourado.
  • Misture o sagu cozido com a compota de abacaxi.
  • Coloque em tigelinhas e leve à geladeira até o momento de servir.
Sagu de abacaxi

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Participe dos comentários

  1. Olá Mônica.Parabéns pela iniciativa de criar esse Blog,além de lindo,você escreve muito bem,dá dicas incríveis e nos incentiva a sermos melhores.Estou me tornando vegana por opção,fiz um curso de Técnico em Enfermagem pela UFU,e estagiei no HC podendo conviver com inúmeras pessoas doentes com gravidade, e algumas ainda muito jovem.Apesar de ter uma alimentação diferenciada,decidi que deveria fazer mais alguma coisa para obter saúde e concluí que isso deveria começar por mim, e rapidamente.Desde então, tenho pesquisado sobre tudo que pode ser nocivo a nossa saúde e encontrei com alegria, seu maravilhoso Blog. Não uso as cascas do abacaxi(minha família produz e se usa muito agrotóxico para que se consiga um fruto sem “bichos”),acha que eu poderia usar somente o miolo pra fazer o chá?

    1. Olá Edilene! Parabéns pela iniciativa de mudar sua alimentação e buscar informação para auxiliar outras pessoas a fazerem melhores escolhas. Fico super feliz quando tomo conhecimento do quanto as receitas publicadas estão colaborando para essas mudanças! Sobre o chá de cascas de abacaxi, faça com alguns pedaços do próprio abacaxi, ou guarde os pedaços centrais que são mais duros e acabam indo para o lixo.

  2. Fica uma delícia, essa receita me lembra muito a minha mãe, gostinho de sobremesa de mamãe, ela fazia com o Ananás aquele selvagem, mas ácido. No sitio tem uns amadurecendo vou por em prática a receita logo logo.. beijos

    1. Aqui em São Luís faço com o abacaxi de Turiaçu…O abacaxi mais doce que eu já provei na minha vida!

Close
© 2022 - Santo Legume
Close